Bronquite Infecciosa

A Bronquite Infecciosa provavelmente é a doença respiratória mais comum das galinhas, sendo descrita pela primeira vez no ano de 1931 nos Estados Unidos. A força desta doença de galinhas irá variar conforme a força do vírus, idade da ave, vacinação anterior, imunidade materna (aves jovens), e infecções que podem acontecer e complicar o caso, Micoplasmose Aviária, E. coli e a Doença de Newcastle. A mortalidade da bronquite infecciosa pode chegar até a 25%, dependendo de infecções secundárias. A causa da doença é um coronavírus que é antigenicamente variável, por isso novos tipos de vírus continuam a surgir. Cerca de oito grupos de vírus são reconhecidos por soroneutralização.

Bronquite Infecciosa

Sintomas da bronquite infecciosa

Os principais sintomas da bronquite infecciosa são depressão, as aves ficam amontoadas, perda de apetite, tosse, chiado, falta de ar, diarreia, diurese e a cama de frango costuma ficar molhada. O diagnóstico provisório baseia-se em sinais clínicos, lesões e sorologia. O diagnóstico definitivo é baseado no isolamento viral nos embriões da galinha, lesões típicas, imunofluorescência positiva e ciliostase em cultura de órgão traqueal.

Tratamento da bronquite infecciosa

Não existe um tratamento especifico para a doença. Alguns criadores costumam administrar antibióticos para evitar infecções secundárias, diminuindo assim as perdas na criação. Muitas vezes esse tratamento pode ficar muito caro. A melhor forma para evitar/combater a bronquite infecciosa ainda é prevenindo a doença através da vacinação. Você pode escolher entre usar vacinas vivas, que contêm o vírus atenuado, ou vacinas inativadas, com vírus mortos.

Prevenindo a bronquite infecciosa

A infecção da galinha se dá através da conjuntiva ou do trato respiratório superior, com um período de incubação de 18 a 36 horas. A infecção é altamente contagiosa e se espalha rapidamente por contato, objetos contaminados ou pelo ar. Algumas aves/cepas virais podem carregar a doença por um ano. O vírus pode sobreviver a 4 semanas no ambiente, e é sensível a solventes, calor acima de 56°C por pelo menos 15 minutos e desinfetantes a base de formal 1% durante 3 minutos. Uma ventilação inadequada do seu galinheiro e também a alta densidade são fatores predisponentes para esta doença.

Você gostou? ⤵ A sua opinião é muito importante!
Total: 0 votos - Média: 0 estrelas

Saiba os segredos para criar aves!

Coloque seu melhor email para receber gratuitamente as melhores dicas e informações sobre o seu pássaro favorito!